Publicado por: de maré | 31 maio 2008

Casos e acasos

Uma mulher de verdade.

Quando eu tinha 18 anos, fiz um teste para um órgão ligado ao SERASA. Fui a melhor, mas na entrevista disseram que eu teria que trabalhar em pé e, devido ao peso, poderia ter problemas de varizes e por isto não seria contratada. Detalhe, hoje tenho 36 anos e não tenho varizes…
Sempre vejo o preconceito pelas ruas… fica estampado no rosto das pessoas. É quando vou passar pela roleta do ônibus, é quando estou com um gato magrinho do lado, é nas roupas tamanho p que vejo nas lojas da moda. Mas o que me leva adiante é a admiração que vejo nos homens que sabem valorizar uma mulher de verdade! E é isto o que importa!


Responses

  1. É sempre assim. Existe preconceito em tudo. Mas o importante é nunca desistir. =]
    As pessoas são como são e não vamos procurar brigar com elas, mas sim motrarmos quem somos. Aí quem sabe não mudamos elas. =)

  2. Enfrento a mesma situação, quanto ao preconceito.
    Cheguei à conclusão de que devemos nos amar pois somos lindas do que jeito que conseguimos ser, afinal, existem várias formas de beleza.
    Quem disse que não somos belas, pq somos gordas, isso é mito.
    Azar de quem não conseguir enxergar isto.
    Bjs!

  3. Realmente o preconceito existente no mercado de trabalho é muito grande. Podemos ter toda competência mais sempre arrumam um motivo pra dizer que não podemos exercer determinada função. Mas não podemos deixar que tais situações nos abalem pois sabemos do que somos capazes e temos que continuar lutando contra esse grande preconceito.
    Um cheiro a todos!

  4. ola quero conhecer gordinhas eu quero alguem para amar especial que seja sincero meu msn diegomacielrodrigues@hotmail.com tenho 25 anos a idade nao inporta e sin a sinceridade sou de porto alegre mas estou em sao paulo trabalhando

  5. ola tudo bem com vc eu espero que possamos conversamos numa boa e com certeza vc terá toda minha atenção e tenha uma ótima terça feirae um abraço para vc fofinha eu amor mulheres fofas bjos ate mais lhe aguardo

  6. Com certeza são preconceitos reais e vivenciados pela maioria das gordinhas todos os dias. Porém, deve-se ter muito cuidado, pois as próprias podem sem perceber se tornarem preconceituosas. No final do seu texto você dá a entender que apenas mulheres gordinhas são “mulheres de verdade”. Acredito que independente dos dígitos que a balança acusar o importante para ser uma “mulher de verdade” é ter caráter, honestidade, amor próprio (e aos próximos), além de boa auto-estima.

  7. oi tudo bem parabens vc e muito lindaaaaaaaaaaaaa bjosssssssssss tenha uma otima semana pra vc
    depois vc me add vou adora tc com vc var_123lan@hotmail.com


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: